segunda-feira, 27 de março de 2017

Desaparecidas - Lauren Oliver


Lauren Oliver é incrível! É o segundo livro dela que eu leio e fico encantada. 

Suas personagens sempre são adolescentes meio problemáticas sabe? Bebedeiras, drogas, amores, festas e velocidade. São garotas baladeiras, maquiadas, bêbadas e populares. Nada contra, mas os dois livros que li, as personagens eram exatamente assim rs... 

Em “Desaparecidas” foi criado uma atmosfera de trechos... Ora passado, ora presente, os capítulos são divididos em: antes e depois (do acidente), Nick e  diário de Dara. Parece meio confuso, mas é fácil compreender. 

São duas irmãs superunidas, Dara e Nicole, a Nick. A diferença entre elas é de apenas 1 ano. Sempre estão nas festas com os amigos e sempre estão com alguma bebida nas mãos. Nick é a mais velha e a perfeita, Dara é a rebelde, a garota problema e Nick tenta sempre encobrir as loucuras de Dara, que é a caçula e por este motivo a família passa a mão em sua cabeça. 

O modo como Nick fala da irmã é muito fofo, são unidas, são as melhores amigas e são opostos. Dara é a popular curvilínea que troca de namorado como troca de roupa, é a “pegadora”. Nick é mais reservada. Mais normal e menos “assanhada”. 

Nick possui um melhor amigo de infância e vizinho chamado John Parker. 

Na adolescência acaba surgindo meio que um triangulo amoroso entre eles, mas Parker ama uma das irmãs como sua própria irmã. Ele é apaixonado pela outra que não percebe suas investidas. 

Infelizmente, um acidente muda a vida das irmãs Warren para sempre e de uma forma drástica. 

Não tem como fazer uma resenha sem falar o que até agora me incomoda. Estou com o coração realmente triste.

Nesta história de amor, amizade e desentendimento dos jovens, podemos ver como eles podem ser facilmente confundidos. 

Dara, como sempre aprontando, se envolve com pessoas não tão bacanas e Nick tenta resolver o problema, apesar de ela e Dara não se falarem desde o acidente que mudou suas vidas. Parker acaba sendo o pivô do desentendimento entre as irmãs, mas não chega perto do real motivo do distanciamento de Dara. 

Aprendemos amar Dara com toda a sua meiguice e loucura. Ela é uma garota cheia de vida, que quer provar tudo, ser parecida com a irmã e quer chamar a atenção porque acha que Nick é mais bonita e carismática. Sentimos muito sua vitalidade, personalidade e energia e a sua falta nos esmaga dolorosamente. 

Dara, Dara... Porquê? 

Lauren entrou para a lista de meus autores favoritos, apesar de ser apenas o segundo livro seu que leio, também é o segundo livro com perdas profundas e que me faz ficar triste, eu realmente me sinto como se conhecesse todas as personagens dela. 

Leiam “Desaparecidas” e vocês terão outra visão sobre parques de diversão, rapazes bonitões e mais velhos, que te elogiam e insistem que você tem tudo para ser modelo, de amizades sinceras, amores pueris e bebidas, drogas e futuro. 

Sabe aquela história que aponta para uma coisa e no fim é algo completamente diferente? 

Tenho certeza de que irão amar!!!

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Estou ansiosa por saber sua opinião!!!